AO VIVO: Nasa lança a sonda InSight para estudar interior de Marte





Confira o lançamento do foguete Atlas V-401, levando a bordo a sonda InSight, da Nasa, que deve pousar em Marte e estudar a ocorrência de terremotos e abalos sísmicos no planeta vermelho. Com a apresentação de Salvador Nogueira, o Mensageiro Sideral, e comentários de Cássio Barbosa, astrônomo, e Lucas Fonseca, engenheiro aeroespacial.

Link para o blog: http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2018/02/06/ao-vivo-primeiro-voo-do-falcon-heavy/

Sejam todos bem-vindos ao canal!*

*Para uma convivência pacífica, por favor sigam algumas regras:
– Sem ofensas pessoais;
– Sem SPAM;
– Peguem leve nos palavrões;
– Sem desvirtuar o assunto;
– RESPEITEM os demais comentaristas;*

*Infratores serão silenciados por 300 segundos. Na reincidência, serão banidos do chat.*

*Terraplanistas, conspiracionistas, baderneiros, trolls em geral e comentários políticos não são bem-vindos. As punições acima poderão ser aplicadas em caso de comportamento indevido.*

*Divirtam-se, e boa transmissão!!*

source

[Prosperity]

cool #nasa videos- AO VIVO: Nasa lança a sonda InSight para estudar interior de Marte #Space #videos #NASA #News #SpaceVideos

Originally posted 2018-05-05 13:04:06. Republished by Blog Post Promoter

You May Also Like

22 thoughts on “AO VIVO: Nasa lança a sonda InSight para estudar interior de Marte

  1. Salvador, normalmente os lançamentos orbitais e interplanetários são efetuados no sentido oeste-leste. Os lançamentos polares é que tomam o sentido norte-Sul ou sul-norte. De Vanderberg eles tomam o sentido norte-sul. De Kourou sul-norte. Isso tem a ver com onde as partes descartáveis dos foguetes irão cair. Nos dois casos eles irão cair no Oceano. Atlântico no caso de Kourou, e Pacífico no caso de Vanderberg.
    Por isso Vanderberg lança normalmente satélite em órbita polares, como os satélite militares espiões. Se lançasse em órbitas no sentido oeste-leste arriscaria que algum de seus estágios iniciais caíssem em zonas habitadas. Por isso o gasto de combustível desse lançamento deve ter sido bem mais alto que se tivesse sido lançado da Florida, de onde a nave tomaria um trajetória mais econômica aproveitado o sentido de rotação da Terra.
    Grande abraço.

  2. Líve Maravílhosa!
    Aínda Maís Falando Com O Executivo Do Insight Diretamente Da Calífórnía.
    informaçôes Muito importantes Continue Assim.
    Abraços…

  3. Mais uma excelente Cobertura Salvador.. show de bola as participações dos prezados Lucas e Cássio ..a velha guarda.. convocada.. funcionou bem novamente e o Mensageiro entregou sua mensagem com a categoria de sempre abraços

  4. Muito boa essa intrevista,foi bem explicada,Ramon de Paula é um técnico ou engenheiro da NASA,fez uma intrevista com funcionário da NASA pois achei bastante interessante 🏆

Comments are closed.